segunda-feira, outubro 13, 2008

Lágrimas de Crocodilo

O bispo de Leiria, aproveitando a peregrinação do 13 de Outubro (que este ano teve menos fieis por causa da crise), mostrou-se preocupado com a crise e atirou-se aos que ganham ordenados chorudos...
A minha filha Sara lembrou bem: "Porque é que ele (o bispo), se está verdadeiramente preocupado, não anunciou aos fieis que não era preciso que eles dessem mais dinheiro. Porque é que não lhes disse que a senhora de Fátima não precisa do dinheiro deles?". E perguntou mais: "Porque é que não distribui o muito dinheiro que cai nas caixas das esmolas daquele santuário, pelos mais pobres que são, certamente, os mais afectados pela crise?"
Pois é, sem consequências práticas, bem pode chorar o bispo de Leiria. Serão sempre lágrimas de crocodilo.