quinta-feira, abril 24, 2008

Carreira das Neves

Vi-o hoje em mais um debate no programa da Júlia (TVI). Lá estavam os ateus do costume, a comentar as perguntas do costume com os argumentos do costume sendo que o "defensor" das ideias cristãs era o "teólogo" do costume, padre Carreira das Neves.
A dado passo foi um dos ateus que, pasmado, teve de dizer a Carreira das Neves: "O senhor está no bom caminho, já é ateu está quase do nosso lado..." e, coisa rara, não é que eu concordei com o ateu?
Então o senhor abade, que deveria estar alí a defender as ideias cristãs, não disse, alto e bom som (entre outras perolas), que Deus não falou com Abraão, nem com Moisés nem com Isaías, etc?
Segundo aquele "grande teólogo", eles (Abraão, Moisés, etc) é que colocaram aquelas palavras na boca de Deus!!! Logo a Bíblia não é Palavra de Deus.

A minha alma está pasma, ou não...
Ainda quero ver se a igreja católica toma uma posição oficial sobre esta heresia. É que se o não fizer mostra estar de acordo e, assim sendo, o que é que os católicos vão fazer à igreja?


11 comentários:

Arrevezado disse...

Olá.
Eu não vi esse programa, porque desisti dos canais nacionais. Mas até gostava de ter visto.

Acredito que o Sr. Carreira das Neves tenha deslargado (eu sei que esta palavra não existe) belas pérolas, mas duvido que a que referiu tenha sido a pior de todas. Se os profetas tivessem um gravador de cassetes à mão, não me diga que acredita que a voz de Deus teria ficado registada! Eu não.

Abraão, Moisés e Isaías (e outros) andavam com Deus e tinham com Ele uma profunda intimidade, o necessário para que as palavras que escreviam (os textos bíblicos) fossem de inspiração divina. Ou seja, seria melhor dizer “os profetas atribuíram as palavras a Deus”, sempre soa melhor do que “colocaram as palavras na boca de Deus”, eu acho que era isso que ele queria dizer, espero.

José Carlos disse...

O que ele, claramente, quis dizer é que eles escreveram o que pensavam e atribuiram isso a Deus.
Mas não se ficou por aí; disse que não era criacionista, que acreditava na teoria da grande explosão (e quando um dos ateus lhe disse: "mas se calhar pensa que Deus está por de trás da grande explosão" ele apressou-se a dizer: "Eu não disse isso")etc.
e disse, pelo menos duas vezes, que já estudava a Bíblia (a partir do hebraico e grego) há 50 anos.
Meu Deus...

Anónimo disse...

Este Carreira das Neves é dos maiores idiotas que alguma vez vi em televisão e o pior de tudo é que em Portugal se dá horas e horas a estes idiotas para irem á televisão dizer chorrilhos de asneiras, não admira que o povo esteja na maior das ignorâncias á imagem de Ermelo. Que povo é aquele? O que é aquilo? Aquele é o Portugal real! E idiotas como o Carreira das Neves contribuem para este Portugal totalmente retrógrado tal como os crucifixos em escolas e as caganças de Universidades católicas de meninos ricos e nulos que mais tarde vão estar em muitos cargos neste país e que não passam de uns medíocres. Ainda me lembro quando o idiota do Carreira das Neves veio á tv dizer que o papa não tinha nada de pedir desculpas pelos crimes da igreja no tempo da inquisição. Esse tempo é que foi o esplendor da igreja no mundo! Depois é vê-los a saltar com ódios de estimação ao Saramago sejam eles políticos ou religiosos quando o Saramago é dos maiores intelectuais do país e um grande humanista. Aconselho a que todas as pessoas leiam Richard Dawkins - A Desilusão de Deus ou o Relojoeiro Cego. Portugal continua a ser um país totalmente atrasado nas mentalidades e as religiões só contribuem para o atraso cultural dos povos e para pobreza de espírito. A igreja não passa de um controlo de massas para objectivos de poder ou de influênciar o poder através dos votos ganhos nas missas. Os padres dizem sempre que não se metem em nada, mas estão sempre a meterem-se em tudo, já para não falar que sempre trataram as mulheres abaixo de cão. O mundo para evoluir precisa livrar-se dessa gentalha. Uma bomba atómica no Irão e outra em Israel seria o ideal ou então fazer como os chineses que são neste momento o país líder no mundo e no futuro com dois sistemas capitalista e comunista e não deixam lá seitas cristãs nem outras andar a estupidificar o povo.

Anónimo disse...

Quem não acredita em Deus, tem neste comentário diabólico ás declarações de Carreira das Neves e outros, uma boa oportunidade de descobrir o espírito diabólico que anima muitos e que contrapõe o espírito de Deus que anima outros.

José Carlos disse...

Como certamente já entendeu, o autor deste blog também não subscreve a maioria das afirmações feitas no comentário que o segundo anónimo refere. Já agora porque não se identifica como eu?

Anónimo disse...

Pela 1º vez estou a ler estas novidades!
Do P. Carreira das Neves, já nada me espanta! Tanta filosofia, tanta sabedoria e, parece-me , tão pouca Fé e humildade!
São estes teólogos cegos que guiam outros cegos, apontados por Nossa Senhora, nas aparições, falando sobre o fim dos tempos. Apenas criam a confusão.Se fossem mais humildes e orassem mais ao Espirito Santo, talvez não dissessem tantas barbaridades. De certeza que também são dos que não acreditam na mensagem de Fátima! Também foi ilusão de ótica das criancinhas e no milagre do Sol, de milhares de alucinados ,que lá estavam!
Orem mais e estudem menos! "obrigado, Pai que revelaste estas coisas aos pequeninos e as negaste aos sábios ..."
Tenho dito!

José Carlos disse...

Ao autor (ou autora?) deste último comentário.
Confesso que também fico abismado com as crenças que aqui revela. Isso de chamar "nossa senhora" a Maria e de reafirmar a crença nas supostas aparições da virgem também me soa a estranho. Certamente que também leu a Bíblia, como Carreira das Neves, em diagonal. É que se a lesse com olhos de ler veria que as suas crenças (marianas) não fazem qualquer sentido. A verdade é esta: Há um só Deus e um só Senhor Jesus Cristo que merecem toda a nossa adoração e atenção, tudo o que ficar fora disto não passa de idolatria.

Anónimo disse...

Depois é vê-los a saltar com ódios de estimação ao Saramago sejam eles políticos ou religiosos quando o Saramago é dos maiores intelectuais do país e um grande humanista.

Rafael Gusmão-O Sr. Saramado, o português cachorro do stalinismo mais rançoso e do totalitarismo soviético, era humanista? Sim, tão humanista quanto o sistema que defendeu, do genocídio e do arquipélago gulag. Esses ateus conseguem ser mais ridículos do que o Carreira Neves. Se bem que ele tb é um velho gagá, coitado. Não diz coisa com coisa.

Anónimo disse...

Depois é vê-los a saltar com ódios de estimação ao Saramago sejam eles políticos ou religiosos quando o Saramago é dos maiores intelectuais do país e um grande humanista.

Rafael Gusmão-O Sr. Saramado, o português cachorro do stalinismo mais rançoso e do totalitarismo soviético, era humanista? Sim, tão humanista quanto o sistema que defendeu, do genocídio e do arquipélago gulag. Esses ateus conseguem ser mais ridículos do que o Carreira Neves. Se bem que ele tb é um velho gagá, coitado. Não diz coisa com coisa.

Anónimo disse...

O antigo Testamento foi escrito, pensa-se apos o Cativeiro da babilonia, ja Moises tinha morrido ha centenas de anos e Abraão ha mais de 400..Por isso nao vejo nada de especial, no comentario.

A verdade é que se atribuem palavras a Deus, mas nao foram do proprio Deus. Nem de Jesus existem escritos, existem ap+enas documentos escritos 30 anos apos a vida deste. E como tudo na historia, quem conta um conto acrescenta um ponto.

Assinado - um cristao

Anónimo disse...

Este último comentário pertence, segundo o que se escreveu, a um cristão???!!!. Eu diria que se é cristão é um cristão muito mal informado.
Meu caro lembre-se que quando aconteceu o cativeiro babilónico já o estado de Israel existia há muitos séculos com o templo e sinagogas por todo o território onde o Antigo Testamento era lido.
Ou seja há que tempos que o Antigo Testamento existia.
Procure informar-se melhor.
Assina um cristão bem informado