quinta-feira, dezembro 11, 2008

Solidariedade com data marcada

Confesso que estou a ficar farto. Nesta quadra (todos os anos é a mesma coisa) tenho de entrevistar na rádio várias personalidades oriundas das mais diferentes áreas. Quase todas elas aproveitam para apelar à solidariedade nesta quadra natalícia.
A minha pergunta é mas porquê só agora? Então o Natal não é sempre que o homem quiser?
Jesus (que nasceu graças às suas preocupações com os outros, connosco) deseja que, sobretudo aqueles que lhe pertencem, sejam solidários todos os dias. Primeiro entre os seus próprios irmãos e depois com todos os seus semelhantes.
E ser solidário não significa aapenas ajudar os outros nas suas necessidades materiais. Significa também estarmos SEMPRE prontos para manifestar a nossa amizade. Mesmo quando essas pessoas não estejam a agir da melhor forma; a comportarem-se de maneira mais correcta.
Isso muitos evangélicos têm dificuldade em fazer. Se calhar é por não saberem lidar bem com certas situações a que não estão habituados.
Seja como for as coisas estão a mudar, mesmo dentro das igrejas, e nem sempre para melhor. É necessário que, olhando para Deus em Cristo, aprendamos a condenar o erro mas a amar sempre os que erram. Isto também é solidariedade.