terça-feira, outubro 30, 2007

Maradona um deus?

Que o futebol fosse uma espécie de religião já todos sabíamos. Recordamos, até, que a alguns estádios alguns adeptos chamam catedrais. Agora que um jogador fosse elevado à categoria de deus é que não deixa de nos espantar.
Mas aconteceu.
Na Argentina uma capela acaba de ser dedicada ao culto a Diego Maradona, e para que não restem dúvidas, naquele espaço, tiveram até lugar duas cerimónias de casamento.
È claro que o homem, a contas com um grave problema de obesidade motivada pelos alcool e pelas drogas, foi realmente um colosso a jogar à bola mas, daí, até ser uma divindade...
O mundo está, definitivamente, louco.