segunda-feira, janeiro 23, 2006

A culpa foi das muletas...

José Sócrates, na quente noite eleitoral, veio falar na exacta altura em que Manuel Alegre falava ao país.
Resultado, as televisões deixaram Alegre a "falar para as moscas" e voltaram-se para Sócrates. Imediatamente os comentadores, com particular destaque para Helena Roseta, disseram "cobras e lagartos" a respeito do nosso 1º.
Entretanto o gabinete do 1º Ministro deu uma desculpa esfarrapada quando tinha uma boa explicação que poderia ter dado.
Sócrates, que anda de muletas, tinha mêdo de não chegar a tempo e por isso apressou-se demais...
A culpa, portanto, foi das muletas. Esta é a verdadeira explicação.