quinta-feira, junho 02, 2005

Mata mas subsidia a saúde...

Há dias ficamos a saber que uma das fórmulas, encontradas pelo Governo, para tapar o buraco financeiro na saúde foi aumentar, substancialmente, o tabaco.
Apesar de se acreditar que os aumentos, agora decretados, vão obrigar os portugueses a fumar menos, não pode deixar de referir-se que as pessoas que vão fumar e pagar mais, vão também ficar doentes e onerar o estado futuramente.
Assim o dinheiro que o Estado vai receber, com os referidos aumentos, pode ser um presente envenenado.