domingo, maio 01, 2005

Parabéns Sara

Quem diria, parece que foi ontem o dia em que, pela primeira vez, fomos (com a ajuda do Aires, Marília, Lídia e Zé) levar a Sara à Universidade do Minho. Vimo-la como caloira, acompanhámos, à distância, os seus primeiros dias de estudo, ouvimo-la falar dos primeiros resultados de exames, acompanhámos o seu envolvimento em várias actividades, até de índole jornalística (no Barcelos Popular), etc.
Quem diria, no próximo Domingo (Sim de hoje a oito dias) a Sara vai participar da Cerimónia de Imposição de Insígnias. Isso significa, entre outras coisas, que esta menina não depauperou as já paupérrimas finanças dos pais. Com a ajuda de Deus, esforçou-se, trabalhou e conseguiu.
Pode dizer-se que Deus, os pais e ela já fizeram quase tudo. Agora resta à sociedade portuguesa fazer alguma coisa, evitando que quem demonstrou ter tamanha vontade e energia, acabe "a dar socos no vento".
É que há já tanta gente a fazê-lo.
Seja como for, Sara, parabéns. Vale a pena apostar em pessoas como tu. Temos uma enorme honra em ser teus pais.