quinta-feira, janeiro 29, 2004

Um passo em frente, dois atrás

No Médio Oriente as coisas são mesmo assim. No dia em que se verificou uma importantíssima troca de prisioneiros entre forças beligerantes, um suicida palestiniano fez-se explodir num autocarro apinhado de gente.

Já estou a ver, os mesmos de sempre, a arranjar desculpas para o sucedido, nas culpas dos israelitas.

Mas, se fosse ao contrário...